Mosul's Housing
 
A reconstrução de Mosul, depende da reorganização de vários sectores que formam a cidade. Através da reabilitação das áreas industrial, comercial e agricola, a cidade irá progressivamente produzir recursos e tornar-se gradualmente auto-suficiente. A segurança é essencial para assegurar a estabilidade local. A promoção da coexistencia entre religiões, entidades legais e militares, reduz a divisão e o ambiente hostil. O sentimento de pertença é garantido através da cultura. A sociedade que proporciona compreenção e o respeito mútuo, reúne memórias comuns e promove a união das comunidades. A resposta é dada através da análise urbana da cidade de Mosul, que de acordo com o seu desenho urbano, requer uma intervenção versátil. A nossa proposta baseia-se nas seguintes características: nível alto de privacidade, variação de composição e possibilidades arquitetónicas evolutivas de acordo com as necessidades futuras. O modelo adapta-se facilmente ao território, proporcionando a sua expansão, permitindo mudar uma ocupação de 2 a 10 habitantes por unidade habitacional. A habitação está espacialmente organizada de acordo com uma composição tripartida, onde é clara a distinção entre áreas sociais e privadas. No núcleo da habitação há um pátio privado, que pode conter vegetação, água ou fogo. Para obter valores comuns de beleza, propõem-se exteriores simples que, através da repetição e variação do modelo, criam uma identidade que promove a integração sem distinção social. Com a escassez de recursos e mão-de-obra qualificada, é importante criar um modelo facilmente replicável e economicamente viável. Para otimizar a construção, todos os elementos estruturais até os acabamentos são modulares.
The reconstruction of Mosul, depends on the reorganization of various sectors that make up the city. By rehabilitating industrial, commercial and agriculture areas, the city will progressively produce resources gradually becoming self-sufficient. Security is essential to ensure local stability. The promotion of the coexistence between religions, legal and military entities, reduces the splitting and the hostil environment. The sense of belonging is guaranteed through culture. The society who provides understanding and mutual respect, gathers common memories and promotes the union of communities. The answer is given through the urban analysis of the city of Mosul, which according to its urban design requires a versatile intervention. Our proposal is based on the following characteristics: high level of privacy, variation of composition and evolutional architectural possibilities according to future needs. The model adapts easily to the territory, providing its expansion, allowing to change an occupation of 2 to 10 inhabitants per housing unit. The housing is spatially organized according to a tripartite composition, where it is clear the distinction between social and private areas. At the core of the housing there is a private patio, which can contain vegetation, water or fire.
In order to get common values of beauty, simple exteriors are proposed which through repetition and variation of the model creates an identity that promotes integration without social distinction. With a shortage of resources and skilled labor, it is important to create an easily replicable and economically viable model. In order to optimize the construction, all structural elements up to the finishes are modular.
 
 
Localização / Location

Mosul, Iraque

Ano do projecto / Year project

2017 Concurso internacional / International Competition

Promotor / Promoter

Tamayouz Award

Programa / Programme

Habitação colectiva / Public housing

Área bruta de construção / Gross built area

Indefinido / Undefined

Arquitectura / Architecture

Gizele Graça, Patrícia Almeida, Ricardo Vilaça